Blog


21 de maio de 2021

Educação: o compromisso com um mundo sustentável

Estamos habituados a relacionar a palavra sustentabilidade com questões relacionadas à preservação dos recursos naturais e das espécies nativas da fauna e da flora. Mas construir um mundo sustentável vai muito além disso. 

A sustentabilidade está diretamente ligada a três grandes pilares: ambiental, econômico e social. A educação, que é a base do nosso trabalho aqui na Nova Geração, se enquadra no terceiro pilar, o da sustentabilidade social. Entretanto, se observarmos com atenção, percebemos que ela está presente também nos outros dois pilares.

A ação de sustentar 

O termo “sustentabilidade” tem origem na palavra “sustentar”, um verbo com vários sinônimos: segurar, amparar, suprir, assegurar, ajudar, nutrir, fortalecer, conservar, perpetuar, reafirmar, defender, resistir. Perceba que cada uma dessas ações cabem perfeitamente nos três pilares da sustentabilidade citados anteriormente. 

Ensinar as novas gerações para aprenderem e desenvolverem hábitos capazes de transformar o mundo num lugar em que o meio ambiente esteja sempre conservado, em que a economia seja fortalecida e que a sociedade tenha direitos assegurados, com as pessoas ajudando e nutrindo umas às outras é o compromisso de quem trabalha com a educação. 

Sustentabilidade em três pilares

Para entender melhor o conceito de cada um dos pilares da sustentabilidade, trazemos para você um resumo com dicas que podem ser aplicadas no dia a dia: 

Sustentabilidade ambiental: significa preservar recursos naturais essenciais, como a água, para que as próximas gerações possam ter acesso a eles futuramente. A dica para sermos ambientalmente sustentáveis em nossa rotina é evitar o desperdício de água e energia elétrica além de separar, reaproveitar e reciclar resíduos sólidos e líquidos que produzimos diariamente.

Sustentabilidade econômica: está relacionada a bons hábitos financeiros. Significa equilibrar desejos de consumo com as necessidades reais.  Planejar o orçamento mensal, consumir de forma consciente e ter uma vida feliz sem desperdícios. São várias as formas de trazermos a sustentabilidade econômica para a nossa vida, entre elas: comprar à vista, valorizar as empresas locais e comprar produtos fabricados perto da sua casa. Uma dica simples que pode ser feita agora mesmo é marcar num papel ou numa planilha eletrônica o quanto você ganha mensalmente e quanto gasta. O ideal é que sobre sempre um valor, por menor que ele seja, porque representa que você está aprendendo a ser economicamente sustentável. 

Sustentabilidade social: está diretamente ligada às práticas que melhoram a qualidade de vida da população, diminuem as desigualdades sociais, ampliam os direitos das pessoas e garantem acesso pleno à cidadania. A educação de qualidade é um dos principais caminhos para a sustentabilidade social, pois uma população com bom nível cultural e educacional, respeita mais o meio ambiente, valoriza o consumo consciente, convive melhor em sociedade   e contribui, desta forma, com o desenvolvimento sustentável do planeta.

Localização da escola
Clique e envie mensagem no WhatsApp